Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2015

Prevenção da osteoporose deve começar na infância, recomenda ortopedista.

Os cuidados para prevenir a osteoporose devem ter início ainda na infância, recomenda o diretor de Relações Institucionais do Comitê de Doenças Osteometabólicas da Sociedade Brasileira de Ortopedia (Sbot), Márcio Passini. “O nosso esqueleto vai sendo trocado sistematicamente, porque a gente vai crescendo”, destaca o profissional.

Segundo Passin, na infância, esse processo é mais rápido. Depois, na idade madura, pelo menos 6% do esqueleto são trocados por ano. Quando a pessoa faz uma atividade física, isso estimula o osso a ser mais forte. O diretor lembra, entretanto, que esse processo não ocorre da noite para o dia e que é preciso um tempo para que o esqueleto se adapte à nova necessidade.


O exame chamado densitometria, surgido em 1992, passou a medir a densidade mineral óssea, isto é, a quantidade de cálcio. “Foi um divisor de águas, porque passou a permitir que as pessoas que estavam se tratando de osteoporose soubessem se estavam melhorando. Com isso, foi possível verificar quais…

Tratamento de hérnia de disco, sem cirúrgia, tem 87% de sucesso.

A hérnia de disco é uma doença que acomete mais de 5 milhões de brasileiros. Um estudo publicado na Revista da Academia Americana de Cirurgiões Ortopédicos mostrou que em 90% dos casos não é necessário realizar cirurgia na coluna, podendo tratar com procedimentos não-invasivos. No Ceará foi desenvolvido um método que alcançou êxito no tratamento de quase 7 mil pacientes e hoje está presente em 21 estados no país.


A patologia consiste no rompimento de estruturas internas na coluna vertebral, causando atrito entre as partes. Resultado disso são dores na lombar ou na coluna cervical, associada à irradiação para membros inferiores ou superiores respectivamente, diminuição de força muscular e formigamento.

Há alguns anos o procedimento cirúrgico era o mais executado para o tratamento da hérnia de disco. Uma pesquisa recente pode comprovar que em apenas 10% dos casos esse método é indicado. “Qualquer tratamento deve-se levar em consideração as manifestações clínicas do paciente. Em todo ca…

Mamoplastia: 2º lugar no ranking de cirurgias plásticas.

O aumento de seios é a cirurgia mais popular no mundo, com 1,7 milhão de casos em 2013 e representando 15% de todas as intervenções. Para se ter uma ideia, dados divulgados pela International Society of Aesthetic Plastic Surgery (ISAPS) informam que nos EUA, foram 313 mil cirurgias desse tipo e no Brasil 226 mil. A mamoplastia de aumento perde apenas para a lipoaspiração no ranking de procedimentos mais realizados pelas brasileiras.

O cirurgião plástico da Interplástica FB, Dr. Fausto Bermeo, acredita que essa grande procura se deve à melhoria dos serviços. “É um procedimento amplamente divulgado e com excelentes resultados positivos e isso se deve a evolução tecnológica dos implantes e especialização dos cirurgiões”, afirma. Além disso, as exigências dos pacientes fizeram com que as empresas se aprimorassem e aumentassem a oferta de tipos de implante. “Os implantes tem evoluído não só na qualidade dos materiais, mas também no campo da variedade de formas, tamanhos, texturas e projeç…