Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2011

H1N1 é preciso estar atento.

A gripe que assustou o mundo, conhecida como “gripe suína” transmitida pelo vírus Influenza A - H1N1 ainda não está erradicada, circula de maneira restrita, sem causar epidemias, porém mantendo a capacidade de produzir casos graves.
No momento, como costuma acontecer com a chegada do inverno, o número de casos de gripe vem aumentando. Vários tipos de vírus têm sido identificados, como os vírus Influenza tipo B, Influenza tipo A H3N2, vírus Sincicial Respiratório e também o H1N1, embora em menor quantidade.
O site Mogi News alerta sobre os cuidados preventivos – De acordo com a explicação do Dr. Jarbas Barbosa mesmo que em número pequeno os casos identificados devem receber atenção especial.
“O vírus H1N1, diferentemente dos outros, pode produzir caso graves em jovens saudáveis, além dos integrantes dos grupos vulneráveis. Por isso, os casos, mesmo que em número pequeno, devem receber atenção especial dos serviços de saúde".
Casos de gripe causados pelo vírus H1N1 têm sido identifica…

OMS - Uso do celular pode causar câncer.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) aponta cinco rótulos científicos que associa o uso do celular ao câncer – cientificamente pode ser:cancerígeno, provavelmente cancerígeno, possivelmente cancerígeno, não classificado ou provavelmente não cancerígeno.Mesmo com poucas conclusões uma revisão de estudos sugere que um aumento do risco de um tipo maligno de câncer cerebral não pode ser descartado. No entanto, não está claramente estabelecido que o celular causa câncer em humanos.
Um grupo de 31 especialistas se reuniu em Lyon, França, para analisar os dados provenientes de estudos epidemiológicos. Eles disseram que observaram todos os estudos relevantes de telefones celulares e exposição a campos eletromagnéticos. Momento Verdadeiro com informações da BBC.

E. coli - bactéria continua imune aos antibióticos

E.coli é detectado novos casos o que elevou para 1733 o número de pessoas infectadas com a nova estirpe da bactéria. De acordo com o Instituto Robert Koch, responsável pelo acompanhamento da crise causada pela bactéria E.coli, há 149 novos casos de infecção pela estirpe da bactéria E. coli e 50 de uma síndrome causada pela mesma bactéria, nos últimos dois dias. As informações são da tvnet.pt.
Entretanto, um especialista alemão disse que a situação estabilizou: "A situação é que o número de novas infecções parece ter-se estabilizado", disse o professor Reinhard Brunkhorst, presidente da Sociedade de Nefrologia da Alemanha e responsável do hospital universitário da região de Hanôver, cidade onde se registaram grande parte das mortes pela bactéria no país.
Sobre a bactéria E.coli
A bactéria Escherichia coli (EHEC), se mostra imune a antibióticos e já matou dezenas de pessoas na Alemanha, uma na Suécia e contaminou mais de mil em duas semanas. Divulgação do site a Bola.pt.
A descobe…