Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2009

20 de Junho, um dia combate

Sei que estou meio atrasada nessa postagem... rsrsrsrsrsrsr, mas não poderia deixar de mostrar como foi esse dia no posto de Saúde onde sou responsável. UBS J. Imperial.

Foi um dia abençoado, pois a equipe estava animada, as crianças sem medo da vacina e os pais conscientes da importância da vacinação... Tudo tranquilo.



Até um dos vereadores da cidade esteve por lá... Chique não?


Eu, o vereador Vieira, e as técnicas de enfermagem Jaqueline, Elisa e Ana... Elas estavam animadas, pois foi a primeira vez que a Unidade fez uma campanha de vacinação, vocês acreditam nisso?

Estou nessa Unidade a quatro meses, e já implantei muitas coisas, e quero implantar mais, porém o espaço fisico ainda não é o adequado. Mas tudo vai melhorar em nome do Senhor Jesus.

Porque antes de ser encarregada pela Unidade, sou Enfermeira e, quero o melhor para a população local.

Foi uma Campanha em familia... Até meu esposo participou da campanha, vacinando nosso filho de 4 anos, e por incrivel que pareça, minha filha qu…

Distúrbios Alimentares também em Homens

Toda vez que alguém fala em anorexia e bulimia, o que vem à mente são mulheres esquálidas, obcecadas por dietas e que não estão felizes com o próprio corpo.
Os distúrbios alimentares não são exclusividade do universo feminino: cerca de 25% dos casos de anorexia e bulimia são em homens, segundo estudo da Universidade de Harvard, nos Estados Unidos. Apelidada de manorexia, a anorexia nervosa masculina tem crescido no mundo. No Ambulatório de Bulimia e Transtornos Alimentares do Hospital das Clínicas, em São Paulo, eles são minoria. Mas o número de homens que procuram ajuda tem crescido. “Esses distúrbios são menos comuns em homens, mas não tão raros quanto se pensa”, afirma o psiquiatra Táki Athanássios Cordás. No Núcleo de Transtornos Alimentares e Obesidade (Nuttra) da Santa Casa de Misericórdia do Rio de Janeiro, os homens que procuram tratamento aumentaram cinco vezes de 2002 para 2003. A maioria, entre 18 e 26 anos.







O modelo norte-americano Jeremy Gillitzer (antes (foto1) e depois ( …

Rins em alerta

Muitas pessoas não sabem a importancia do cuidado com o corpo, principalmente com o interior do mesmo. Quantas pessoas só se preocupam com sua aparencia externa? E internamente, você sabe como está o seu corpo?

Um levantamento da Sociedade Brasileira de Nefrologia (SBN), divulgado recentemente, apontou que cerca de 2 milhões de brasileiros são portadores de doença renal crônica (DRC), que consiste em uma lesão ou perda irreversível das funções dos rins. O dado mais alarmante, porém, é que 60% deles não sabem que têm o problema. Segundo a nefrologista Maria Alice Fernandes de Barcelos, do Hospital Nove de Julho, em São Paulo, o estudo revela dados extremamente preocupantes, já que o perfeito equilíbrio do nosso corpo se deve, em grande parte, ao funcionamento normal dos rins. "A doença renal crônica geralmente é silenciosa, só apresentando sintomas em fases avançadas", adverte.

Os rins são órgãos vitais do sistema excretor, responsáveis por eliminar substâncias tóxicas do organ…

TDAH

Fonte: sillovinho.blogspot.com


O TDAH ou Transtorno de Déficit de Atenção Hiperatividade é uma das grandes dificuldades enfrentadas pela sociedade, principalmente pelo fato de ser ainda um tema pouco difundido, não tendo muitas informações a respeito.

Essa falta de informações sobre o que realmente seja o TDAH leva as pessoas muitas vezes a cometerem sérios erros quanto aos métodos que utiliza tanto no diagnóstico quanto no modo de lidar com essas crianças.

Daremos aqui uma ênfase especial a esse transtorno partindo de seu conceito:

“A Hiperatividade (TDAH) é um desvio comportamental,caracterizado pela excessiva mudança de atitudes e atividades, acarretando pouca consistência em cada tarefa a ser realizada” (Abram Topczewski, 19).

Diagnosticar o TDAH não é tão simples, requer uma observação minuciosa de pormenores que muitas vezes começam nos primeiros anos de vida da criança e se estendem pela fase adulta.

Para esclarecer a interessados listamos uma série de critérios que são tidos como of…

AR CONDICIONADO UM VILÃO QUE ENGORDA!

O ar condicionado trouxe conforto para empresários, secretárias e demais trabalhadores que vivem enfurnados dentro de salas fechadas. Mas é esse mesmo conforto climatizado que vem sendo apontado como uma das causas da epidemia de obesidade que assola países pelo mundo, entre eles Estados Unidos e Brasil.

Funciona assim: imagine uma professora que acorda pela manhã e ruma para a escola para dar aulas. Ao sair de uma sala para a outra, andar pelos corredores ou mesmo descer para a sala de reuniões, ela pode sair de um ambiente a 29ºC direto para outro a 34ºC.

Essa variação faz com que o organismo dela esteja sempre trabalhando para balancear a temperatura do corpo com a do ambiente onde ela está no momento. E nossa professora ainda tem uma ajudinha para não colecionar gordurinhas pelo corpo: ela não passa horas sentada em uma cadeira. Ao andar para lá e para cá, ela deixa o "sedentarismo profissional" de lado - o que evita o acúmulo de gordura.

Agora, pensemos na situação inversa…

Para iniciar a semana...

Obstáculos

Em tempos bem antigos, um rei colocou uma pedra enorme no meio de uma estrada. Então, ele se escondeu e ficou observando para ver se alguém tiraria a imensa rocha do caminho. Alguns mercadores e homens muito ricos do reino passaram por ali e simplesmente deram a volta pela pedra.

Alguns até esbravejaram contra o rei dizendo que ele não mantinha as estradas limpas mas nenhum deles tentou sequer mover a pedra dali.

De repente, passa um camponês com uma boa carga de vegetais. Ao se aproximar da imensa rocha, ele pôs de lado a sua carga e tentou remover a rocha dali.

Após muita força e suor, ele finalmente conseguiu mover a pedra para o lado da estrada.

Ele, então, voltou a pegar a sua carga de vegetais mas notou que havia uma bolsa no local onde estava a pedra.

A bolsa continha muitas moedas de ouro e uma nota escrita pelo rei que dizia que o ouro era para a pessoa que tivesse removido a pedra do caminho.

O camponês aprendeu o que muitos de nós nunca entendeu:

“Todo obstáculo contém …

SAÚDE MENTAL: DEBATE SEM FIM

Trinta anos depois do início da discussão sobre o tratamento dispensado a doentes mentais, provocada na sociedade brasileira pelas críticas do italiano Franco Basaglia, que em visita ao país, em 1979, denunciou a violência dentro de manicômios, o debate permanece rico, cheio de controvérsias, sem um ponto final. Verdadeiros depósitos de gente, como se via naquele período, não existem mais. Ninguém pode dizer, entretanto, que os 36 mil pacientes internados atualmente em sanatórios da rede pública ou credenciada ao Sistema Único de Saúde (SUS) vivem em condições ideais. No centro da polêmica, que envolve questões de direitos humanos, pontos de vista médicos discrepantes, ideologia, paixão e até interesses financeiros, está a instituição psiquiátrica. Um mal necessário — recurso imprescindível para pessoas com distúrbios graves — ou um modelo falido?

A política de saúde mental brasileira aposta na última opção. Trabalha para fechar leitos em hospitais especializados e, ao mesmo tempo, amp…

OMS EM ALERTA

Cresce o número de casos e a necessidade de aumentar os cuidados também. Não precisa pânico, mas informar com responsabilidade para evitar mais contaminações. A Organização Mundial de Saúde (OMS) convocou para esta sexta-feira (5/6) uma reunião de emergência com especialistas em gripe para discutir a Influenza A (H1N1). A entidade divulgou balanço segundo o qual há 21.940 casos confirmados da enfermidade pelo mundo, em 69 diferentes países. Foram confirmadas 125 mortes pela doença, mais conhecida por gripe suína. Ontem, a OMS confirmava 19.273 casos de Influenza A (H1N1) em 66 países, com 117 mortes.

Pelo levantamento de hoje, o país com mais mortes causadas pela enfermidade é o México, com 106 vítimas, e um total de 5.563 casos confirmados. Os Estados Unidos têm 22 mortes e 11.054 ocorrências. O Canadá já registrou três mortes, com 1.795 casos, o Chile confirmou uma morte, com 369 casos, e a Costa Rica também já teve um óbito relacionado à doença, em um total de 68 ocorrências.

Entre o…

HIPOCONDRIA

Uma mancha pode ser indício de câncer, fraqueza é provável que seja Aids, um resfriado pode ser tuberculose ou pneumonia. Esses são alguns exemplos de como vive uma pessoa hipocondríaca – com um medo persistente de contrair alguma doença grave. Esse mal atinge entre 6 e 9% das pessoas que procuram atendimento médico, segundo alguns estudos norte-americanos.

Considerado por muitos como uma “mania engraçada”, o problema prejudica a qualidade de vida do paciente e o número de pessoas com esse comportamento vem aumentando e preocupando a classe médica.

O chefe do Serviço de Psiquiatria e Psicologia Médica do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF), Marco Antônio Alves Brasil, informou à Revista Plenitude do mês de junho que a pessoa sempre acredita estar com uma doença grave e duvida do diagnóstico de que sua saúde está perfeita.

“Por exemplo: uma pessoa saudável faz check up anual, mas isso não é motivo de preocupação. Quem sofre do mal, quando vê que os resultados do check up…